Em breve a Lua também terá o item mais essencial para a vida na Terra: Internet banda larga!

Se você é daquelas pessoas que não gostam de viajar para locais isolados e sem acesso à internet, geralmente em locais mais para o interior do Brasil, pois não consegue viver sem estar sempre conectado na web com seu smartphone, agora você pode acrescentar mais um destino para suas viagens: a Lua. É claro, antes de viajar para lá, consulte a área de cobertura da sua operadora, e se está incluso em seu plano o roaming ou pacote de dados para usar na Lua.

Deixando de lado o humor, mas ainda parecendo piada, em breve a Lua terá uma rede 4G de telefonia móvel com mais qualidade do que a que temos aqui na Terra, por ser um espaço aberto, sem nada que possa interferir no sinal, como construções, árvores ou alguma interferência de outras redes. Nesta segunda-feira, dia 19, a Nokia fez um anúncio, de que ela foi a empresa escolhida pela NASA para ser a responsável pela construção da primeira rede de banda larga sem fio na Lua, tarefa que será realizada até o ano de 2022.

A NASA fará um investimento total em torno de US$ 370 milhões para desenvolver novas tecnologias que serão utilizadas na missão Artemis, como geração de energia remota, robótica, pouso seguro, entre outros. Esta será uma nova missão tripulada à Lua, prevista para  2024, que inclusive deverá contar com a primeira mulher que irá pisar em solo lunar.

A missão Artemis tem o objetivo de descobrir detalhes da Lua ainda inexplorados pelos humanos, como o Polo Sul lunar, ainda desconhecido, e também testar tecnologias que possam contribuir para um objetivo ainda mais ambicioso, que é pisar no solo de Marte.

Foram contratadas algumas empresas para desenvolver cada tipo de tecnologia, e entre elas, a empresa Bell Labs, da Nokia, que receberá U$$ 14,1 milhões para desenvolver a rede celular  4G LTE na Lua. Por sua vez, a Nokia fará parceria com a empresa norte-americana de design de naves espaciais, a Intuitive Machines, para conseguir entregar todo o equipamento na Lua. Esta entrega será feita por módulos, e todo o sistema se configurará automaticamente.

Esta tecnologia 4G na Lua auxiliará na comunicação dos astronautas e entre os sistemas, assim como também facilitará a troca de dados nas missões, e auxiliará na implantação de veículos lunares e outros dispositivos robóticos. Futuramente a Nokia buscará desenvolver aplicações espaciais do 5G, mas por enquanto utilizará o 4G/LTE devido ao domínio e conhecimento desta tecnologia, que será posta diante desafios jamais enfrentados, como temperaturas extremas, o vácuo de espaço, assim como a altos níveis de radiação.

Planeta Terra visto da Lua.

REDE WIFI EXISTENTE NA LUA

Desde o ano de 2013 já existe uma rede wifi conectada da Terra com a Lua. Quatro telescópios terrestres enviam sinal de rede para a Lua através de lasers. O sinal enviado para a espaçonave de exploração lunar LADEE  conectou-se com uma velocidade em torno  de 19 Mbps. Apenas um telescópio já é o suficiente para realizar esta conexão, mas para garantir a efetividade, a NASA utilizou quatro telescópios em solo norte-americano, no Estado do Novo México. A Estação Espacial Internacional (ISS) também fornece conexão com a Lua, mas com uma velocidade muito superior, a incríveis 622 Mbps para download.

Em breve a rede móvel na Lua poderá auxiliar o homem a ir mais longe, mas por enquanto a humanidade ainda precisa dominar essas novas tecnologias e buscar aprender ainda mais com novas descobertas, para assim, ampliar seus horizontes.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *