COMO SABER SE O CARTÃO DE MEMÓRIA MICRO-SD É FALSO OU ORIGINAL

Veja o passo a passo para descobrir o tamanho original de armazenamento de um cartão de memória, utilizando o aplicativo H2testw.

Você comprou um cartão de memória para o seu celular, mas não sabe se realmente ele tem a capacidade de armazenamento indicada? Então você instala ele no seu smartphone, e pronto, aparece lá no seu Android que o cartão realmente tem a capacidade de armazenamento que você comprou. Tenha muito cuidado, pois o Android (e mesmo o Windows) não reconhecem uma falsificação, sendo que, eles apenas leem as informações do cartão, que podem ter sido adulteradas, através do firmware do dispositivo.

As pessoas não fazem ideia, mas é tanto cartão de memória falsificado no mercado, que até mesmo comprando em lojas confiáveis, você corre o risco de comprar algo falsificado, que irá causar problemas de arquivo corrompido, arquivos que somem ou cartão em branco. Para quem é leigo, vou explicar de forma simples: todo cartão de memória possui um programa (chamado firmware) que “diz” para o computador (ou para o smartphone) quanto de memória que ele possui. Os falsificadores adulteram justamente isso, fazendo por exemplo, um cartão de 16 GB informar que possui 64 GB ou mais (quanto o falsificador quiser). Então, ao conectar esse cartão falsificado no computador ou celular, vai mostrar que ele tem os 64 GB anunciados, “enganando” o computador ou o celular. E o computador (ou o celular) vai gravar arquivos ali, até ocupar todo o espaço falso informado, mesmo que falsificado. Só que, mesmo após atingir o limite real (no caso, o exemplo dos 16 GB) o computador/celular vai continuar gravando mais arquivos ali, e este é o momento onde vão começar a ocorrer todos esses erros, como as perdas de arquivos salvos no cartão. As vezes a pirataria é tão malfeita, que os problemas ocorrem cedo, noutros casos, demora para ocorrer e a pessoa perde muita coisa. O site Teu Celular fez uma lista com cartões de memória em promoção em um site seguro, que você pode ver, clicando aqui.

Existem alguns cuidados que devem ser tomados, ao se efetuar a compra de um cartão de memória:

– Comprar em lojas de confiança. Mesmo assim, ainda precisa ter muito cuidado, principalmente em lojas on-line, que vendem através de marketplace (a grande maioria de sites fazem isso). No marketplace essas lojas não tem muito controle, já que, neste tipo de venda são outros vendedores, de fora do site, que vendem ali. Mas neste caso, por serem sites de confiança, elas garantem a devolução do valor da compra caso o produto tenha algum problema, como pirataria.

– Reparar nos detalhes da embalagem. As embalagens falsificadas, na grande maioria, não se preocupam com a qualidade das mesmas, sendo que algumas são tão malfeitas, que a cor da embalagem desbota, ou ainda, a embalagem mal tem informações sobre o produto, e as vezes sequer tem o nome da marca do cartão, contendo apenas a capacidade de gigabytes do cartão.

– Preço com oferta muito grande. Preço muito abaixo do padrão para cada capacidade de memória, é de se desconfiar. Sempre desconfie de um cartão de memória quando ele estiver com preço fora da realidade, muito abaixo do preço praticado no mesmo cartão por outros vendedores. Não existe mágica de preço, quando um cartão de memória estiver custando menos que o valor normal, desconfie. Claro que, talvez possa haver alguma promoção vendendo por um bom preço, assim como pode haver cartão falsificado sendo vendido por preço mais caro que seria um cartão verdadeiro.

PORÉM, MESMO TOMANDO TODOS OS CUIDADOS, COMO EU POSSO TER CERTEZA DE QUE O CARTÃO DE MEMÓRIA TEM A CAPACIDADE INFORMADA NA EMBALAGEM DO PRODUTO?

Existe uma forma de descobrir a capacidade verdadeira de um cartão de memória micro-SD, realizando um teste nele, através de aplicativos para este fim.

Um aplicativo gratuito, muito bom, leve e fácil de usar é o H2TESTW. Para fazer o DOWNLOAD GRATUITO deste aplicativo (para Windows), clique aqui.

Quando comprar um cartão de memória, coloque-o no computador, e use o programa H2testw, que ele testa o cartão e informa a capacidade real do cartão.  Assim você vai saber se ele é original ou não.

Como funciona o teste?

Este programa lê a capacidade informada pelo cartão de memória, e então começa a preencher todo o espaço de armazenamento informado pelo firmware deste cartão, gravando arquivos que o próprio H2testw cria no momento do teste. Após preencher todo o espaço de armazenamento indicado pelo cartão, o H2testw começa então abrir todos os arquivos que ele mesmo acabou de criar e gravar em todo o cartão. Cada arquivo aberto corretamente, significa que ele foi gravado num local de armazenamento verdadeiro, e cada arquivo que se corrompeu, significa que ele foi gravado em cima de um espaço que não existe, portanto, falsificado. Então, se todos os arquivos forem abertos corretamente, é sinal que o cartão continha corretamente a capacidade informada, e sendo assim, certamente deve ser original. Num cartão falsificado o H2Testw indicará a capacidade verdadeira do cartão, mostrado pela quantidade em bytes de arquivos que foram abertos sem serem corrompidos.

COMO USAR O H2TESTW:

Primeiramente, é bom formatar o cartão antes do uso do H2testw. Para isso, basta localizar o cartão de memória em seu computador, e dar um clique em cima dele, usando o botão direito do mouse. Então, vai abrir esta janela: (clique na opção formatar)

Após isso, deixe selecionado “formatação rápida”, e após, clique em “inciar”:

Clique em OK neste aviso:

E novamente clique em OK, com a formatação concluída:

Agora vamos usar o H2TESTW. Não é necessário instalar o programa, basta abri-lo.

1-Acesse o local onde você salvou a pasta ZIP com o programa H2testw, encontre e abra a pasta (no caso da imagem abaixo, estava salvo na Área de Trabalho):

2- Com a pasta aberta, clique duas vezes em cima de “h2testw.exe” para abrir o aplicativo:

3- Clique em “Select target”, para encontrar o cartão a ser analisado:

4- Localize onde está conectado o cartão de memória em seu computador. Clique em cima do cartão, e depois clique em “OK“. Neste caso do exemplo, o cartão está na unidade “E” do meu computador:

5- Agora clique em “Write + Verify”, que é o trabalho que este aplicativo H2testw vai executar para o teste:

6- Clique em OK neste aviso. Ele apenas informa que alguns poucos megabytes vão ficar fora da verificação, que não faz mal neste caso:

7- Agora o programa H2testw já está trabalhando no seu cartão de memória. Em “Writing” ele mostra quantos megabytes em arquivos ele está criando e salvando no seu cartão, até ocupar todo o espaço indicado pelo cartão (mesmo que seja uma capacidade falsa informada). Esta etapa pode demorar até algumas horas, pois depende de muitos fatores, como a velocidade do seu computador, a velocidade de gravação do cartão de memória, assim como o espaço total do cartão.

8- Nesta etapa o H2testw começa a abrir os arquivos que ele criou e salvou no seu cartão de memória. Cada arquivo aberto corretamente, significa que foi gravado em uma parte “verdadeira” do cartão. Desta forma ele calcula quantos megabytes ou gigabytes que o cartão possui realmente:

9- Aqui acabou teste, e o H2testw mostra o resumo de toda a atividade, quanto tempo demorou para executar a tarefa, e quanto de espaço existe realmente no cartão de memória. No caso abaixo, ele testou um cartão com 128 GB, que era original. Caso tivesse algo errado, o painel do H2testw (que está destacado dentro do quadro vermelho na imagem abaixo) ficaria com o fundo em vermelho ao invés de cinza, com um aviso constando a quantidade de armazenamento real do cartão de memória (escrito a palavra “available” seguido da quantidade de espaço real do cartão):

Após ter realizado o teste por completo, para usar o cartão de memória em seu celular você deve limpá-lo (com uma formatação), pois ele estará cheio de arquivos que o programa H2testw criou e salvou no seu cartão durante a tarefa. Para isso basta uma formatação rápida, e em poucos segundos seu cartão estará vazio e pronto para uso.

É aconselhável que você sempre faça este teste, mesmo que tenha comprado o cartão em um loja física ou em algum site de confiança, pois podem ocorrer casos de ter cartão falsificado, mesmo sem a intenção da loja em prejudicar o comprador.

One thought on “COMO SABER SE O CARTÃO DE MEMÓRIA MICRO-SD É FALSO OU ORIGINAL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *